Cabeçalho

Polícia Militar prende elementos que vinham praticando furtos em Cacoal

Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria
Após o registro de uma série de roubos que estavam sendo praticados em Cacoal, policiais militares do 4º Batalhão deram início a diversas diligências com o intuito de colher informações que pudessem ajudar a identificar os infratores.
Durante a madrugada desta terça-feira (16), os policiais obtiveram informações de que os elementos eram conhecidos pelos apelidos “Pescoço” e “Menor ou Anakami”.
Corroborando com essas informações, foi verificado por uma das vítimas que o seu aparelho celular, roubado pelos infratores, estava emitindo sinal GPS, apontando sua localização.
Durante as diligências, os policiais identificaram “Anakami”. O homem confessou que teria praticado furtos e roubos em Cacoal.
Em relação ao aparelho que estaria emitindo sinal GPS, o mesmo alegou que teria destruído o celular e abandonado próximo ao cemitério.
Os roubos narrados por “Anakami” teriam sidos realizados um na Máquina São Luiz e outro na Av. Recife.
  Ele e seu comparsa, “Pescoço”, abordavam as vítimas fazendo uso de um simulacro de uma pistola .9mm.
“Anakami” apontou a localização da residência de seu comparsa e a guarnição policial deu seguimento às diligências, encontrando o outro Infrator.
“Pescoço” admitiu ter participado dos dois roubos e informou que usaram uma motocicleta CG 160, emprestada por uma terceira pessoa. A motocicleta foi localizada no Bairro Zumack.
Além da prisão dos elementos que praticaram os crimes, e do proprietário da motocicleta usada na prática, os policiais apreenderam o simulacro usado e os produtos dos roubos.
Segundo informações repassadas aos policiais, após realizarem os roubos, os envolvidos reuniram-se para “comemorar”, fazendo uso de bebidas alcoólicas e drogas.
Foram apreendidos ainda 20 gramas de maconha, dois relógios, entre outros objetos.
Vale ressaltar que um dos autores dos roubos, “Anakami” se encontra cumprindo medida cautelar, inclusive fazendo o uso de tornozeleira eletrônica.
Durante o registro da ocorrência, também foi abordado outro elemento, identificado pelo apelido de “Gabiru”.
O rapaz relatou aos policiais sobre um crime ocorrido dias atrás, um roubo em um mercado da cidadeI, localizado na avenida Pedro Kemper.
Segundo “Gabiru”, o elemento “Anakami” também estaria envolvido.
Ao final da ocorrência, os policiais militares deixaram registrado que os infratores são contumazes na prática de crimes como roubo, tráfico de drogas, receptação, entre outros.
Todos são fazem parte de uma facção criminosa. Dois deles estão envolvidos em diversos roubos praticados em Cacoal, sendo reconhecidos pelas vítimas.
(Giliane Perin – Seção de Comunicação Social/4ºBPM)
FONTE:PIMENTA VIRTUAL
Comente com o Facebook!
BMC
BMC
BMC

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *