Cabeçalho

Urgente: Polícia Civil de Cacoal localiza o corpo de professor que estava desaparecido e prende autor do crime

Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria
Cabeçalho matéria

No final da tarde desta quinta-feira, 14, a Polícia Civil localizou o corpo do Professor Adriano Albuquerque que estava desaparecido a mais de 10 dias de Cacoal.

Segundo as primeiras informações,  uma equipe de investigadores localizou o corpo a vítima na zona rural do Município de Ministro Andreazza, mais precisamente na linha 3 o autor do crime também foi preso.

De acordo com informações,  a motivação do crime teria sido por conta de um relacionamento amoroso que a vítima e o suspeito mantiam a cerca de 2 anos, e nos últimos dias o professor estaria fazendo ameaças ao assassino de que contaria sobre a relação dos dois a esposa do suspeito. Mediante a essa situação o jovem arquitetou a logística do crime e convidou Adriano para uma pescaria, chegando lá houve uma discussão onde o professor tomou vários golpes de martelo e posteriormente teve o corpo carbonizado.

Está versão dos fatos foi repassada pelo assassino a equipe de policiais, no local do fato, tudo que restou foram as cinzas do querido e amado professor Adriano.

É importante ressaltar que a motocicleta, uma bolsa e o celular do Professor também foram localizados nas proximidades do local do fato.

Logo após a localização do corpo e dos pertences a Perícia Técnica foi acionada para realizar os trabalhos de praxe. O suspeito e os pertences foram encaminhados à delegacia onde foram apresentados ao delegado de plantão. Até o presente o nome do autor do ato cruel não foi divulgado.

Na manhã de sexta-feira, 15, o Delegado Regional de Cacoal, Dr. ALEXANDRE BACCARINI, irá conceder uma coletiva de imprensa para os meios de comunicação, onde irá repassar mais detalhes dessa situação.

(Fonte: Noticias190).

Comente com o Facebook!
PASSOS
PASSOS

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *